BYD entrega 80.003 veículos elétricos em outubro.

BYD bate recordes de vendas em 2021 e está entre as 4 montadoras mais valiosas do mundo

 Pelo 5º mês consecutivo, BYD estabelece novo recorde de vendas de 80.003 automóveis elétricos em outubro.

De acordo com os dados oficiais de outubro, a BYD vendeu 88.898 automóveis, com o crescimento de 90,9% ao ano e 12,5% ao mês, comparado ao ano de 2020. Especificamente, as vendas de veículos elétricos atingiram 80.003 unidades, subindo 262,9% em relação ao ano anterior. No final de outubro, as vendas anuais acumuladas de automóveis BYD atingiram 530.000 unidades.

BYD entrega 80.003 automóveis elétricos em outubro.
BYD entrega 80.003 automóveis elétricos em outubro.

A contribuição contínua da tecnologia DM-i alimentou ainda mais o sucesso do modelo DM, que contemplou 38.771 unidades vendidas em outubro, um aumento de 444,1% em comparação a outubro do ano passado, posicionando a BYD como um player dominante no mercado de veículos híbridos plug-in da China. Globalmente, o modelo DM-i também detém uma posição importante. O Qin Plus DM-i e o Song Plus DM-i ocuparam o 4º e 8º lugar, entre o mercado mundial de veículos elétricos híbridos plug-in em agosto, com vendas de 13.043 e 8.731 unidades respectivamente, de acordo com dados de EV SALES/EV VOLUME.

O sucesso dos veículos elétricos a bateria BYD resultou um crescimento constante nas vendas, com 41.232 unidades vendidas em outubro, mantendo sua liderança em um mercado veículos elétricos a bateria local em rápido crescimento.

Ranking de vendas de Sedan em setembro de 2021.

Fonte: Associação de Automóveis da China (CPCA)

Posição Modelo Vendas em 09/2021 (Unidades)
1 BMW 5 Series 14,246
2 BYD HAN 10,248
3 Mercedes-Benz E-Class 8,136
4 Audi A6 4,142
5 FAW Hongqi H9 4,051
6 Volvo S90 2,213
7 Cadillac CT6 1,655
8 VW PHIDEON 917

BYD Han, o principal sedan elétrico da série Dynasty, vendeu 11.087 unidades em outubro. De acordo com a Associação de Automóveis da China (CPCA), o BYD Han ficou em segundo lugar no ranking de vendas de sedãs, com vendas de 10.248 unidades em setembro. Até o momento, as vendas acumuladas do BYD Han ultrapassaram 130.000 unidades, com aumentos por sete meses consecutivos.

BYD EA1
BYD EA1

A plataforma BYD e-platform 3.0 é uma solução para os problemas de segurança relacionados à bateria de veículos elétricos e para o aumento da autonomia em baixas temperaturas. Essa nova plataforma alterará o estereótipo do BYD EA1, o primeiro modelo construído sobre esta plataforma, que também ficou popular no mercado com 6.018 unidades vendidas em outubro, tornando-se o maior contribuinte para o mercado de veículos de novas energias com preços em torno de RMB 100.000.

No dia 28 de outubro, a BYD lançou seu relatório financeiro para o terceiro trimestre de 2021. De acordo com o relatório, a BYD alcançou uma receita operacional de 54,306 bilhões de RMB nesse período, um aumento de 21,98% em relação a 2020. Mais notadamente, a empresa investiu mais de 5,23 bilhões de RMB em Pesquisa e Desenvolvimento durante os três primeiros trimestres.

Segundo o site Companies Market CapLogo, logo no início de novembro, a BYD já ultrapassa $140 bilhões de dólares de valor de mercado, tornando-se a 4ª empresa mais valiosa no setor automobilístico, à frente de renomadas montadoras como a GM, Ford, BMW e Ferrari.

Nos primeiros dez meses do ano ocorreram quedas em diferentes níveis de vendas no mercado automotivo, devido à escassez de chips em toda a indústria automotiva. No entanto, a BYD se manteve alcançando altos recordes de vendas, graças a suas tecnologias principais como a Bateria Blade, a tecnologia DM-i e o e-platform 3.0, tornando-se uma das maiores montadoras na China e até mesmo do mercado global de veículos elétricos.

Rolar para cima