BYD HAN

BYD vende mais de 104 mil veículos somente em março e bate recorde na China

Resultado representa crescimento de 160,9% em comparação ao mesmo período do ano passado

A BYD alcançou mais um excelente resultado em vendas na China, um dos principais mercados em todo o mundo. Somente no mês de março, a empresa contabilizou 104.338 carros comercializados no mercado, sendo 50.674 híbridos e outros 53.664 totalmente elétricos. O resultado é um recorde mensal entre montadoras chinesas.

O expressivo número mostra um crescimento de 160,9% em comparação ao mesmo período do ano passado. Os modelos da marca contam com tecnologias exclusivas, como Blade Battery e o sistema DM-i Super Hybrid, além de um diversificado portfólio de modelos.

BYD HAN
BYD Han EV: 12.359 unidades comercializadas em março no mercado chinês

É o caso de sedan elétrico Han EV. Somente em março, nada menos que 12.359 unidades foram vendidas no mercado chinês. O veículo, o mais vendido da BYD em todos os tempos (mais de 180 mil unidades), será apresentado ao mercado brasileiro neste mês, com previsão de comercialização a partir do segundo semestre.

O modelo chega com uma série de atrativos. Do premiado design Face Dragon, que simula um dragão com o corpo inclinado, à Blade Battery, que redefiniu os padrões de segurança da indústria de modelos eletrificados.

Adalberto Maluf, diretor de Marketing e Sustentabilidade da BYD Brasil

“A BYD liderou a venda de veículos elétricos na China, o maior mercado do mundo, em 2021. E vem obtendo sucessivos recordes, como esse de março último, onde superamos a casa de 100 mil unidades em um único mês. O aumento nas vendas é um grande marco para o setor e muito importante para os esforços globais de reduzir emissões de poluentes e amenizar o aquecimento global”, comenta Adalberto Maluf, diretor de Marketing e Sustentabilidade da BYD Brasil.

Interrupção de motores à combustão

Além desse ótimo resultado em vendas, a BYD anunciou, no dia 3 de abril, que irá interromper a sua produção de veículos a combustível, assim se tornando a primeira empresa automobilística do mundo a parar a produção de veículos a combustível tradicionais. No futuro, a BYD se concentrará no negócio de modelos 100% elétricos e híbridos plug-in no setor automotivo. A BYD também afirmou que continuará a fornecer serviços e garantias pós-venda aos clientes de veículos a combustível existentes, assim como o fornecimento de peças de reposição durante todo o ciclo de vida.

 

Rolar para cima