Código FINAME é usado indevidamente em proposta de kits fotovoltaicos

Uma prática ilegal tem sido aplicada em orçamentos de kits de energia solar. A BYD Energy, na posição de principal fabricante de módulos fotovoltaicos nacionais, enviou comunicado à imprensa detalhando o esquema utilizando o Fundo de Financiamento para Aquisição de Máquinas e Equipamentos Industriais (FINAME).

Na primeira situação, empresas tem incluído em orçamentos módulos BYD 550W. Porém, no detalhamento da proposta, os módulos são de outro fabricante ou com potência inferior, uma vez que a BYD não possui módulos 550W com código FINAME.

Outra postura desonesta de algumas empresas do segmento, corresponde a venda de módulos importados ao invés de nacionais, produto pré-requisito do Finame na justificativa de falta de materiais nacionalizados. Em comunicado, o BNDES explica que, caso não haja fabricação desses equipamentos no Brasil e não cadastramento na Corporação Financeira Internacional (CFI), o BNDES pode financiar itens importados desde que “não possuam similaridade nacional e nesses casos, o custo do financiamento é maior que o utilizado para um item credenciado, ressaltando que “o fato de um produto constar do regime ex-tarifário, não muda a sua condição de importado e não serve como item válido para o credenciamento de um sistema fotovoltaico.

O diretor comercial da BYD Energy, Marcelo Taborda lamenta a postura que prejudica toda cadeia. “Infelizmente, algumas empresas integradoras tem agido de forma ilegal e irresponsável, infringindo as regras determinadas pelo BNDES, fazendo uso do código Finame BYD para projetos que utilizam módulos importados.”

As falsas propostas chegaram a conhecimento da BYD denunciadas pelos parceiros e soma esforços com entidades bancárias, associações e fabricantes para identificação e penalização dos infratores.

Taborda informa que atualmente as famílias de módulos fotovoltaicos produzidas com códigos FINAME são nas potências de 445W, 450W, 455W e 530W, 535W, 540W. Também orienta os parceiros que, na constatação de propostas que contemplem módulos importados fazendo uso do código Finame da BYD, entrem imediatamente em contato para tomada das medidas cabíveis.

Para qualquer dúvida, contatem as redes da BYD Energy, acione nosso time por WhatsApp (11) 9.9376-9613 ou através do e-mail vendas@byd.com.

Izabel Aparecida Guzzon – Jornalista/MTE 5573/SC – Marketing BYD Hub Solar.

 

Rolar para cima